Internacional

Jovens de 11 e 12 anos detidas por planear a morte dos colegas de escola

Raparigas queriam matar com o intuíto de “beber sangue e, possivelmente, comer carne”.

Duas jovens de 11 e 12 anos foram detidas, na Flórida, por estarem a planear matar outros estudantes. De acordo com as autoridades, o crime seria cometido com recurso a várias armas, entre elas um cortador de pizza, e tinha o objetivo de tirar a vida a pelo menos 15 pessoas.

Joe Hall, chefe da polícia de Bartown, em conferência de imprensa, revelou que as duas jovens estavam escondidas, numa casa de banho, à espera do momento para confrontar “crianças mais novas”. Acabaram por ser detidas e possuíam, segundo a Fox 13, facas de cozinha, tesouras e um cortador de pizza.

As raparigas, estudantes do ensino básico, confessaram o crime e afirmaram ser “amantes de Satanás” com o intuíto de matar para “beber sangue e, possivelmente, comer carne”.

Nas buscas realizadas às casas das jovens foram encontrados vários planos de morto desenhados pelas mesmas.

A polícia destacou o papel da escola que alertou para o comportamento estranho das raparigas.