Vida

"Ainda não parei de rir à custa da triste Judite Sousa"

Maria Vieira volta ao 'ataque' nas redes sociais, desta vez para criticar a jornalista Judite Sousa. 

 

A jornalista está no Brasil a fazer a cobertura das eleições presidenciais, cuja segunda volta se realiza amanhã, domingo.

Agora, a mais recente criticada da atriz Maria Vieira é  jornalista. Através de um vídeo publicado na sua página do Facebook, a atriz mostra umas imagens onde se vê a pivô da TVI a colocar uma pergunta ao líder do Partido Social Liberal, à qual não obteve resposta.

Maria Vieira não ficou indiferente e criticou duramente a jornalista. “Obtive este curto vídeo da conferência de imprensa que Jair Bolsonaro deu ontem para orgãos de comunicação nacionais e estrangeiros através de um amigo brasileiro ligado à produção de conteúdos televisivos. Ainda não parei de rir com a parte final da mesma, onde se vê e ouve uma desesperada Judite de Sousa sendo completamente ignorada pelo candidato que ela gosta de chamar de 'Extrema-direita', de fascista, de racista, de ciclista, de taxista e de electricista, que a deixou literalmente a falar sozinha na sala onde a referida conferência teve lugar", começou por escrever a atriz. 

"A carita de desapontado desespero que ela faz perante o desprezo evidenciado por Bolsonaro é tão só aquilo que ela e outros 'jornaleiros' portugueses merecem por serem tão incompetentes, tão cínicos, tão desonestos e tão parciais para com o candidato da Direita Democrática Brasileira. Ainda não parei de rir à custa da pobre e triste Judite de Sousa. Assistam e juntem a vossa gargalhada à minha!”, terminou.