Internacional

Mau tempo em Itália faz três mortos

Quase todo o país está em estado de alerta

O mau tempo que assola Itália fez três mortos desde domingo. As águas chegaram mesmo a atingir um nível histórico na região de Veneza.

A queda de uma árvore que caiu sobre um veículo provocou duas vítimas mortais, perto de Roma, e outra pessoa morreu, também na sequência da queda de uma árvore, na região de Nápoles.

O nível de “acqua alta” (água alta) em Veneza atingiu, na tarde desta segunda-feira, 156 centímetros, ultrapassando os passadiços de madeira que permitem circular a seco em caso de inundações. É a sexta vez na história que o limite da água ultrapassa o metro e meio, tendo o Record sido de 194 centímetros em novembro de 1966.

Devido à confluência de ventos violentos, chuvas torrenciais e marés vivas, grande parte da Itália está em estado de alerta. Para a zona norte do país e nos Abruzos (centros) o alerta é vermelho, sendo a maioria da península está sob alerta laranja.

Enquanto no sul, este domingo, passou um tornado na província de Brindisi, no nordeste são esperadas rajadas de vento até 100 quilómetros por hora para esta noite.