Tecnologia

Cambridge Analytica. Valeu a pena denunciar? "Sim", responde Christopher Wylie

O público aplaudiu o antigo diretor do Cambridge Analytica, que deixou o aviso para os risco da inteligência artificial

Christopher Wylie esteve debaixo dos holofotes do palco principal da Web Summit e levantou algumas questões sobre a internet e o uso dos dados. O ex-diretor do Cambridge Analytica, que denunciou o escândalo de utilização de dados pelo Facebook, respondeu às questões de Khrishan Guru Murthy, jornalista do Channel 4, um dos primeiros meios de comunicação a avançar a noticia. 

Depois de explicar que a estratégia da Cambridge Analytica passava por utilizar o algoritmo do Facebook – que direcionava os utilizadores para certas páginas – e influenciar milhares de pessoas que utilizam aquela rede social, Wylie revelou que a administração Obama tinha conhecimento do que se estava a passar para influenciar as eleições norte-americanas, que as informações tinham ido parar à Rússia e que o Facebook sabia de tudo. “A administração de Obama disse-me para não me preocupar. Achavam que o Donald Trump era um parvo, mas a Hillary iria ganhar”.

Wylie destaca a necessidade de criar legislação para o mundo da Internet: "Se conseguimos legislar sobre a energia nuclear, porque é que não o conseguimos fazer com um código?",questiona.

O ex-diretor esclarece ainda que a polícia não está preparada para crimes que envolvam dados e a proteção dos mesmos e acusou o Facebook de não se responsabilizar por nada do que acontece com a informação dos usuários.

No final, o jornalista questionou Christopher se valeu a pena ter feito a denúncia do que se estava a passar e a resposta não poderia ser mais clara: sim. "Sim, porque as pessoas agora falam sobre isso”.