Internacional

Segundo ataque no Paquistão faz 25 mortos

As autoridades foram obrigadas a declarar emergência médica para conseguir responder à situação

Uma explosão num mercado em Kalaya, que aconteceu quase em simultâneo com o ataque ao consulado chinês em Karachi, ambos no Paquistão, provocou 25 mortos e 35 feridos.

Segundo o responsável pela polícia de Kalaya, Tahir Ali, as autoridades tiveram de declarar emergência médica nos hospitais da região para conseguirem lidar com a situação, cita a Associated Press.

"Foi um ataque terrorista, mas não está claro se foi um dispositivo explosivo improvisado ou um homem-bomba", afirma Mohamed Bilal, porta-voz da administração da região, reforçando que o mercado estaca lotado aquando da explosão. O ataque acontece às 10h00 locais (5h00 em Lisboa).

Também na manhã desta sexta-feira, o consulado chinês em Karachi, a sul do Paquistão, foi atacado por um grupo armado. O ataque já foi reivindicado pelo Exército de Libertação do Baluchistão.