Desporto

Inglaterra. Mourinho diz que "falta caráter" a quatro dos seus jogadores

O treinador do Manchester United considera que Rashford, Martial, Lingard e Luke Shaw não têm a agressividade dos "jogadores de antigamente"

Em entrevista concedida a Hristo Stoichkov, antigo internacional búlgaro agora a colaborar com a emissora americana de língua espanhola Univision, José Mourinho voltou a referir-se a alguns dos jogadores que orienta atualmente no Manchester United de modo mais... contundente. Stoichkov, recorde-se, tinha tanto de craque quanto de temperamental, e foi precisamente por aí que o técnico português pegou.

"Falta-lhes maturidade. Quando digo isto, quero dizer maturidade a um nível pessoal. Nós os dois éramos mais maduros e estávamos mais preparados para enfrentar a vida. Porquê? Porque éramos menos protegidos. Em Inglaterra chamam-lhes mimados. Os nossos filhos, hoje em dia, são crianças mimadas. Acho que os miúdos hoje em dia têm uma vida social diferente da nossa e os jogadores têm ao seu redor uma 'entourage' pessoal, de pessoas que os rodeiam, que os protegem demasiado, lhes dão mais carinho e mais desculpas. Os jogadores atingem a maturidade mais lentamente", começou por dizer o Special One.

E depois individualizou. "Por exemplo: este miúdo, o Luke Shaw, que atualmente é o lateral-esquerdo da seleção inglesa. Quando cheguei aqui há dois anos, não sabia competir. Tinha um grande potencial, sim, mas não sabia como competir. Quando falamos de Shaw, Martial, Lingard, Rashford, estamos a falar de crianças com grande potencial, mas a quem falta uma palavra que não posso dizer, mas que tu gostas muito... falta-lhes um pouco disso. Qual palavra? Caráter. Personalidade. Como dizem em Espanha, sangue ruim. Aquela agressividade natural que tu tinhas", frisou.

É preciso salientar, ainda assim, que Mourinho explicou a Stoichkov que, ao falar de falta de caráter dos atletas em questão, não se estava a referir ao comportamento, mas sim à fibra. Ainda assim, e numa temporada em que têm sido noticiados tantos confrontos entre o técnico dos red devils e alguns dos seus jogadores, estas declarações podem não cair da melhor forma no plantel do United...