Politica

António Costa sobre Brexit: “Este é um acordo satisfatório”

União Europeia votou hoje a favor do acordo sobre o Brexit em Bruxelas.

“Este é um dia especial. Não podemos deixar de estar tristes por ver concretizar-se a saída do Reino Unido, mas simultaneamente há uma sensação de alívio por ter sido possível obter um acordo que evitou o pior, ou seja, uma saída desordenada", disse o primeiro-ministro português à comunicação social, após ter sido aprovado o Brexit numa cimeira extraordinária que se realizou este domingo em Bruxelas, na Bélgica.

António Costa disse que este é o acordo "negociado laboriosamente entre a União Europeia e o Reino Unido, e é com base nele que terão de ser tomadas decisões no parlamento britânico e no parlamento europeu". 

Já no que diz respeito a Portugal, o chefe de Governo garante que "este é um acordo satisfatório porque protege todos os direitos dos cidadãos portugueses no Reino Unido, ou que venham aí a residir até 31 de dezembro de 2020, assim como garante os direitos dos britânicos a residir em Portugal", sublinhando que o acordo “protege todas as denominações de origens dos produtos portugueses e, também, que assegura a estabilidade de execução do quadro financeiro em curso, uma vez que o Reino Unido garante, até ao final deste quadro financeiro, o cumprimento dos compromissos financeiros assumidos", explicou o primeiro-ministro português. 

Além disso, António Costa disse ainda que o importante agora é pensar “na relação futura com o Reino Unido”, sublinhando que esta deve estar “à altura da ambição”.