Internacional

Robôs que servem clientes em café em Tóquio controlados por pessoas com deficiências físicas

O estabelecimento deverá funcionar pelo menos até dia 7 de dezembro, de forma experimental

Abriu esta segunda-feira um novo café em Tóquio. Esta não seria uma novidade, não fosse o serviço inovador, isto porque os clientes não são servidos por funcionários, mas sim por robôs que são controlados à distância por pessoas com deficiências físicas severas.

De acordo com o Bangkok Post, existem no estabelecimento cinco robôs, cada um com 1,20 m de altura. Os trabalhadores da empresa, alguns diagnosticados com doenças como esclerose lateral amiotrófica, controlam os robôs a partir de casa, através de tablets ou computadores.

O estabelecimento deverá funcionar pelo menos até dia 7 de dezembro, de forma experimental. Contudo, as entidades responsáveis esperam lançar um café permanente até 2020, nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Segundo o mesmo jornal, as 10 pessoas que estão a trabalhar neste projeto a partir de casa vão receber 1000 yens, cerca de 8,80 euros por hora.