Vida

Jovem apanhado a violar rapariga por deixar microfone de consola ligado

Um jogador que estava a jogar com ele ouviu uma mulher a gritar e dizer “não”, 15 minutos antes deste voltar ao jogo

Um jovem de 18 anos fez uma pausa num jogo que estava a fazer online para violar uma rapariga. Daniel Enrique Fabian terá deixado o microfone ligado onde um outro jogador que jogava com ele ouviu uma voz feminina a dizer “não”.

O caso aconteceu a 28 de junho quando Fabian estava em sua casa, na Florida, Estados Unidos, a jogar Grand Theft Auto e decidiu interromper o jogo, avisando outro jogador – com quem falava pelo sistema de chat da Playstation 4 – que ia fazer sexo com uma rapariga que ia a casa dele, avança a imprensa americana.

O microfone que Fabian utilizava para comunicar com os restantes jogadores ficou ligado e o momento da violação acabou por ser ouvido pelos outros gamers. Um desses jogadores contou à polícia que ouviu a rapariga a dizer “não” e que 15 minutos depois o jovem voltou ao jogo.

A vítima apresentou queixa tendo dito que Fabian a imobilizou e tapou a boca enquanto a violava. Os exames confirmaram a violação e identificaram o ADN do jogador.

Esta não é a primeira vez que Fabian é acusado de violação. A 4 de junho, pouco tempo antes desta acusação, o jovem foi também acusado de ter violentado uma adolescente.