Internacional

Mulher mata filho de três meses porque "chorava demais"

A mulher está em prisão preventiva

Uma mulher, de 30 anos, foi presa na última quarta-feira na Bahia, Brasil, por matar o filho, um bebé de apenas três meses.

Segundo a Globo, Graciane Almeida, de 30 anos, confessou ter dado “uma bofetada” no bebé porque este "chorava demais", o que provocou um traumatismo craniano na criança.

Inicialmente, a mulher apresentou a versão de que o filho se havia sentido mal e que acabou por morrer após ser atendido num centro de saúde. Contudo, esta versão não convenceu a polícia quando foi constatado que a criança já havia sofrido uma fratura no fémur no início do mês.

Graciane Almeida acabou por confessar a agressão e este poderá não ser o único crime que cometeu, uma vez que o irmão gémeo da criança morreu no início do mês.

A morte da outra criança está agora a ser investigada, depois de a certidão de óbito apontar uma paragem cardiorespiratória como causa da morte.

A mulher está em prisão preventiva.