Sociedade

Operação Fizz. Leitura do acórdão marcada para dia 7 de dezembro

Marcação da data de leitura do acórdão foi feita pelo coletivo de juízes na sessão desta sexta-feira sobre as alegações finais do julgamento.

A leitura do acórdão que diz respeito ao processo Operação Fizz - que tem como um dos arguidos o ex-procurador Orlando Figueira – foi, esta sexta-feira, marcada para o dia 7 de dezembro.

A marcação da data foi hoje decidida pelo coletivo de juízes na sessão das alegações finais do julgamento.

O processo Operação Fizz – cujo julgamento teve início a 22 de janeiro deste ano – tem como arguidos o ex-procurador do Ministério Público Orlando Figueira, Armindo Pires e o advogado Paulo Blanco. Todos correspondem por crimes económicos financeiros.

Recorde-se que no âmbito da Operação Fizz, Manuel Vicente foi acusado de um crime de corrupção ativa, um de branqueamento de capitais e um de falsificação de documentos – o seu processo foi entretanto separado e enviado para a Justiça angolana. Já o ex-procurador do DCIAP Orlando Figueira foi acusado por corrupção passiva, branqueamento, violação de segredo de justiça e falsificação de documentos. Foram ainda acusados o advogado Paulo Blanco e Armindo Pires, homem de confiança de Manuel Vicente, por alegadamente terem sido os intermediários do esquema.