Desporto

Mundial 2030. Presidente da UEFA contra candidatura conjunta de Portugal, Espanha e Marrocos

“Os Mundiais são uma coisa nossa. Não estou de acordo”

Aleksander Ceferin, Presidente da UEFA, manifestou hoje a sua opinião sobre a possível candidatura conjunta de Portugal, Espanha e Marrocos à organização do Campeonato do Mundo de 2030 e, à margem de uma reunião do Comité Executivo da UEFA, em Nyon, o presidente mostrou ter uma posição contra a candidatura destes países. “Bem, neste momento foi mais uma iniciativa política do que algo debatido entre as Federações. Um político falou nisso, sem ter em conta que o futebol está acima da política”.

Recorde-se que a possibilidade foi avançada pelo presidente do Governo espanhol, Pedro Sánchez, depois de ter afirmado que Portugal, Espanha e Marrocos iriam “começar a trabalhar na apresentação da candidatura”.

Ceferin é contra e deixou-o bem claro: “Os Mundiais são uma coisa nossa. Mas pronto, não estou de acordo. Não sou a favor de misturar candidaturas. A UEFA irá defender as candidaturas europeias”, disse o presidente em declarações ao jornal espanhol As.