Internacional

Eurodeputados portugueses retidos no Parlamento Europeu

O tiroteio num mercado de Natal em Estrasburgo na noite desta terça-feira obrigou a que os eurodeputados ainda permaneçam no Parlamento Europeu.

Os eurodeputados e funcionários do Parlamento Europeu, que fica fora do centro de Estrasburgo, continuam retidos no seguimento de um atentado num mercado de Natal no centro de Estrasburgo que fez quatro vítimas mortas e onze feridos.

Segundo apurou o SOL, os eurodeputados e funcionários foram informados por email por volta das 00h30 de quarta-feira para se manterem nas instalações uma vez que o centro da cidade não é seguro nem está acessível. Nesto momento a polícia ainda procura o atirador.

Segundo as autoridades, o autor do crime já foi identificado e trata-se de um homem de 29 anos que já era conhecido por delitos menores.