Cultura

"Rua Sésamo" tem a primeira personagem sem-abrigo

O objetivo é consciencializar as crianças para o problema

Já conhece Lily? A “Rua Sésamo” trouxe de volta uma personagem que tinha um papel passageiro, mas desta vez trouxe uma história mais aprofundada. Lily não tem casa e quer consciencializar as crianças para o problema das pessoas sem-abrigo.

A popular série infantil publicou alguns vídeos onde Lily fala da situação da sua família: “Sinto falta do nosso apartamento e agora não temos casa para viver”, conta. No desenrolar da história, Lily acaba por aprender que “casa é onde o amor está”.

"Lily é a primeira fantoche que criamos cuja história incluí o facto de estar a ter a experiência de ser sem abrigo", afirma Serri Westin, da Sesame Workshop – a associação educacional sem fins lucrativos responsável pela série – à CNN. A personagem vai integrar o novo espaço digital da série.

"Quando Lily surgiu pela primeira vez fez parte de um especial sobre a luta contra a fome. Não é criada de raiz agora, mas pareceu-nos que esta seria uma extensão apropriada para a sua história. A nossa esperança é que consigamos chegar não só às crianças que se possam identificar com a fantoche, mas que ajudemos também outras a criar empatia e entender o problema", explica.