Internacional

Ataque a Ministério líbio faz três mortos e 21 feridos

Os atacantes efetuaram uma manobra de diversão para conseguirem entrar no edifício.

DR  

Um ataque levado a cabo esta terça-feira no Ministério dos Negócios Estrangeiros líbio provocou três mortos e 21 feridos. A missão da Organização das Nações Unidas (ONU) na Líbia e a embaixada britânica já condenaram o ataque terrorista.

As três vítimas foram os autores do atentado. O plano consistiu em três partes: primeiro um carro armadilhado explodiu perto do ministério, criando uma “manobra de diversão” para afastar as autoridades do edifício, enquanto dois bombistas suicidas se dirigiram ao ministério. Um deles fez-se explodir no segundo andar e o outro morreu na entra ao explodir uma mala que carregava. O terceiro atacante foi morto pelas forças de segurança fora do edifício.

Segundo o ministro da Administração líbio, Fathi Bach Agha, o país vive um “caos securitário” que é “terreno fértil” para o Estado Islâmico. Desde a queda do regime de Muammar Kadhafi, em 2011, o país ficou dividido entre várias fações rivais. No entanto, este ataque ainda não foi reivindicado.