Vida

“E eis-me acabada de sair de um bloqueio de 30 dias imposto pelo ‘FoiceBurka’"

Maria Vieira volta ao Facebook depois de ter sido bloqueada durante 30 dias

A atriz Maria Vieira esteve bloqueada durante um mês pelo Facebook e, este fim de semana, voltou à rede social para dizer aos seus seguidores que está de volta.

“E eis-me acabada de sair de um bloqueio de 30 dias imposto pelo "FoiceBurka", começou por escrever a atriz, que sublinha que foi bloqueada “a propósito de uma publicação datada do passado dia 19 de Novembro e amplamente divulgada pela comunicação social portuguesa, onde eu satirizava uma «grupeta» de idiotas úteis de Braga que se propunham criar uma denominada «Frente Anti-Fascista» para lutar contra o fascismo em Portugal, ou seja, para lutar contra uma organização política que não existe no nosso país, o que na realidade seria ou será mais ou menos como lutar contra os célebres moinhos de vento do não menos célebre Dº Quixote de La Mancha, de Cervantes!”, lê-se ainda na publicação.

“Sou uma pessoa pública, uma atriz, uma comediante, uma humorista e uma autora com 38 anos de carreira e nunca na minha vida assisti a uma censura política tão cerrada, mas ao mesmo tempo tão dissimulada e sobretudo tão cobarde, como esta que se está a instalar no meu país, assim como em muitas outras nações da Europa Comunitária”, afirma a atriz.

“Mas a vida continua e a luta que é de todos nós, uma luta democrática que não é de ‘extrema-direita’ como é vergonhosamente apelidada pelo governo e pela comunicação social portuguesa mas sim de ‘extrema necessidade’, uma luta que visa a proteção da nossa pátria, da nossa cultura, da nossa prosperidade, dos nossos valores e dos nossos costumes, essa luta, meus queridos e amados compatriotas, não cessará até que a liberdade, a verdadeira liberdade, volte a passar por aqui...”, termina assim a publicação de Maria Vieira.