Economia

Maior parte dos portugueses prefere ficar em casa na passagem de ano

Apenas 4% dos portugueses opta por festas na rua ou discoteca

DR  

A festa do Natal já passou. É agora altura de pensar como é que vamos dizer adeus ao 2018 e 76% dos portugueses prefere fazê-lo em casa. 

De acordo com o inquérito Observador Cetelem, 54% dos portugueses opta por fazer a festa em sua casa e 22% prefere a casa dos amigos ou familiares. A escolha é feita por pessoas na casa dos 35 anos, residente na região de Lisboa e sul do país. 

Há ainda quem opte por passar a última noite do ano num discoteca ou na rua - 4% dos inquiridos - especialmente na faixa etária entre os 18 e os 24 anos. Além destas escolhas, os hotéis são preferência de portugueses na faixa dos 45 e 54 anos, 3%. Os restaurantes são a escolha de 10% dos inquiridos. 

No entanto, há ainda quem admita não ter qualquer plano - 10% dos portugueses. 

Os gastos com esta festa não são ainda certos, com 49% a afirmar não ter uma ideia de quanto irá gastar, ainda que 12% afirme ponderar gastar até 50 euros, 17% até 100 euros, 9% confesse pensar gastar entre 100 e 150 euros e 12% aponta gastos de 151 euros.