Internacional

Bolsonaro vai legalizar posse de arma

Anuncio foi feito no seu Twitter

A três dias de tomar posse, Jair Bolsonaro - presidente eleito no Brasil - anunciou no seu Twitter que vai legalizar a posse de arma. 

“Por decreto pretendemos garantir a posse de arma de fogo para o cidadão sem antecedentes criminais, bem como tornar o resgisto definitivo”, pode ler-se a publicação.

Assim, Bolsanaro cumpre uma das primeiras promessas  deixadas durante campanha eleitoral: o presidente eleito afirmou que era preciso reforçar a segurança, prometendo o acesso dos cidadãos a armas.

O Brasil tem, desde 2003, um estatuto que regula a posse de arma. De acordo com esse estatuto apenas pessoas com mais de 25 anos, empregados e com casa podem pedir licença de posse de arma. Além disso têm de preencher outros requisitos. Antes de receberem a licença, a Polícia Federal tem de avaliar a capacidade técnica e psicológica da pessoa para usar este tipo de equipamentos e ainda se precisam realmente da arma.