Sociedade

Registadas três vítimas mortais no primeiro dia da Operação Ano Novo

Operação mantém-se até quarta-feira, dia 2 de janeiro

No primeiro dia de operação Ano Novo morreram três pessoas nas estradas portuguesas. Segundo a GNR, registaram-se 257 acidentes, que provocaram cinco feridos graves e 80 ligeiros.

A operação começou ontem e irá prolongar-se até à próxima quarta-feira, dia 2 de janeiro.

Nestes dias, os militares terão em especial atenção as seguintes infrações: condução sob a influência do álcool e de substâncias psicotrópicas, excesso de velocidade, manobras perigosas e utilização indevida do telemóvel.

Segundo um comunicado, o objetivo desta operação é “prevenir a sinistralidade rodoviária, garantir a fluidez do tráfego e apoiar todos os utentes das vias, no sentido de lhes proporcionar uma deslocação em segurança”.