Sociedade

Saiba qual é a Palavra do Ano de 2018

Há dez anos que a Porto Editora faz esta eleição.

"Enfermeiro": foi esta a palavra do ano de 2018, num concurso promovido pela Porto Editora.

O anúncio foi feito esta tarde, numa cerimónia na Biblioteca Municipal Almeida Garrett, no Porto. A palavra "enfermeiro" venceu com 37,8% dos votos e, em segundo lugar ficou o vocábulo "professor", com 33,4%.

A escolha inicial do termo "enfermeiro" tinha sido justificada pela Porto Editora com os vários movimentos de protesto desta classe ao longo do último ano.

"Os enfermeiros reclamam aumentos salariais, uma progressão mais rápida na carreira e a contratação de mais profissionais", uma situação idêntica à dos professores, que "continuam a lutar pela contabilização da totalidade do tempo de serviço prestado durante o congelamento de carreiras", afirmou.

Além de "enfermeiro" e "professor", as restantes candidatas foram "toupeira", "privacidade", "assédio", "populismo", "extremismo", "paiol", "sexismo" e "especulação".

Desde 2009 que a Porto Editora promove esta eleição. Há uma década, a palavra 'esmiuçar', popularizada pelo programa televisivo de humor 'Gato Fedorento', foi a vencedora.