Vida

Jovem de 19 anos pensava ter apenas uma gripe mas foi diagnosticada com vários tumores no cérebro

Laura vai realizar várias sessões de quimioterapia durante seis meses

Uma jovem de apenas 19 anos de idade, Laura Nuttall, de Lancashire, no Reino Unido, notou que tinha um inchaço no nervo ótico e, mais tarde, acabou por ir a uma consulta de oftalmologia, apenas para realizar um exame de rotina.

No entanto, esse exame de rotina acabou por se tornar numa coisa bem mais grave: foi diagnosticada com um glioblastoma, uma forma agressiva e fatal de cancro no cérebro.

Laura tem, pelo menos, seis tumores, que são praticamente incuráveis e deverá, durante o mês de fevereiro, iniciar um processo de quimioterapia intensiva com duração de seis meses.