Internacional

Brasil. Bolsonaro assina decreto que liberaliza posse de armas

Foi uma das suas principais promessas eleitorais para combater a criminalidade no Brasil

O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, assinou hoje o decreto que liberaliza a posse de armas no Brasil, uma das suas principais promessas eleitorais para combater a criminalidade no país. 

"Como o povo soberanamente decidiu por ocasião do referendo de 2005, para lhes garantir esse legítimo direito à defesa, eu como presidente vou usar essa arma", disse Bolsonaro na cerimónia da assinatura, no Palácio do Planalto. 

Agora, os brasileiros poderão manter armas de fogo no local de trabalho ou em casa, desde que o dono da arma seja o responsável pelo local de trabalho ou pela habitação. Para usar a arma das ruas brasileiras é, no entanto, necessária uma autorização de porte de armas.