Internacional

Juan Guaidó autoproclama-se presidente interino da Venezuela

O país está dominado por uma crise social, económica e política

Juan Guaidó, líder da oposição venezuelana e atual presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, desafiou Nicolás Maduro ao autoproclamar-se como presidente interino da Venezuela, esta quarta-feira.

Guaidó, e a restante oposição, boicotou as eleições presidenciais realizadas no passado dia 22 de abril por considerar que o sufrágio não foi livre nem justo e, por isso, não reconhece a tomada de posse de Nicolás Maduro, celebrada no dia 10 de janeiro.

A permanência de Nicolás Maduro na presidência da Venezuela tem gerado vários protestos e confrontos desde o início desta semana. Segundo o Observatório Venezuelano de Conflituosidade Social (OVCS), já quatro pessoas morreram – entre elas um jovem de 16 anos.

Para esta quarta-feira estão agendados novos protestos.