Internacional

Julen: Dados preliminares da autópsia mostram traumatismo grave na cabeça

Funeral está marcado para este domingo 

dr  

Os primeiros dados da autópsia de Julen mostram que a criança de dois anos tinha um golpe grave na cabeça. 

"Um traumatismo cranioencefálico severo" são estas as informações preliminares da autópsia de acordo com o jornal espanhol El  Mundo. 

Segundo algumas fontes da investigação citadas pelo jornal, depois de cair num profundidade de 71 metros, a criança ainda terá tentado proteger-se das pedras que caíram sobre ela, uma vez que se encontrava com as mãos na cabeça. Estas pedras acabaram por ser o maior impedimento para que os mineiros não tenham conseguido resgatar Julen mais cedo. 

A autópsia começou na manhã deste sábado depois do corpo ter sido retirado do poço onde caiu no passado dia 13 de março. O velório já começou e o funeral está marcada para este domingo.