Internacional

A homenagem de um bombeiro a Thor, o cão que tem ajudado nas operações de resgate em Brumadinho

"Eu já perdi a conta de quantas pessoas ele achou. Infelizmente, poucas vivas"

A rutura de uma barragem em Brumadinho, no Estado de Minas Gerais, na última sexta-feira, é já considerada uma das piores tragédias do Brasil. O último balanço apontava para 99 vítimas mortais confirmadas e mais de 259 desaparecidos.

Os trabalhos de resgate, que têm sido levados a cabo nos últimos dias, continuam e começam a chegar as histórias de quem, de alguma forma, ainda está alidar com as consequências do incidente.

O SP Invisível, um movimento de consciencialização, tem partilhado, através do Instagram, estas histórias e, na última quarta-feira, deu a conhecer o testemunho de um bombeiro que decidiu homenagear o seu cão, Thor.

“Eu sou o sargento Leonardo, esse aqui é o Thor. O Thor tem cinco anos e está trabalhando muito, já encontrou um monte de vítimas por aí debaixo dessa lama. Agora ele vai descansar, tomar um suplemento vitamínico que os médicos veterinários vão passar para ele e amanhã volta a trabalhar. Eu já perdi a conta de quantas pessoas ele achou já. Infelizmente, poucas vivas”, contou.

Além da tragédia em Brumadinho, o profissional revela ainda que Thor esteve presente noutras situações semelhantes, como por exemplo na rutura da barragem de Mariana, em 2015, que fez 19 vítimas mortais.

“Esse cão aqui já foi para várias missões comigo. Já esteve em Mariana, Herculano, Sardoá. O Thor trabalha muito comigo”, acrescentou.

Nos comentários multiplicaram-se os comentários de agradecimento e de apoio às equipas que continuam nos trabalhos de resgate.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

“Eu sou o sargento Leonardo, esse aqui é o Thor. O Thor tem cinco anos e tá trabalhando muito, já encontrou um monte de vítimas por aí debaixo dessa lama. Agora ele vai descansar, tomar um suplemento vitamínico que os médicos veterinários vão passar pra ele e amanhã volta a trabalhar. Eu já perdi a conta de quantas pessoas ele achou já. Infelizmente, poucas vivas. Esse cão aqui já foi para varias missões comigo. Já esteve em Mariana, Herculano, Sardoá. O Thor trabalha muito comigo. Só hoje já fomos lá no pontilhão e perto do ônibus. Lugares de acessos muito difíceis.” #SPinvisivel #SP Essa semana estamos em Brumadinho contando histórias para a campanha #BrumadinhoInvisivel. Contribua no catarse.me/brumadinhoinvisivel (LINK NA BIO) para conseguirmos contribuir com a reconstrução da cidade! ​

A post shared by SP Invisível (@spinvisivel) on