Sociedade

Matadouro polaco enviou carne contaminada para Portugal | VÍDEO

Portugal é um dos nove países que terão recebido carne de vaca proveniente de um matadouro polaco que abatia e aproveitava animais doentes

O canal de notícias Euronews revelou, esta quinta-feira de manhã, que Portugal faz parte da lista de países que recebeu carne proveniente de um matadouro na Polónia filmado a aproveitar carcaças de animais feridos ou doentes.

O escândalo foi tornado público no passado sábado quando foram divulgadas imagens pelo canal de televisão polaco TVN24, captadas por câmaras ocultas, que mostravam funcionários de um matadouro, na região de Mazóvia, a retirar feridas, tumores e outros sinais de que a carne estava imprópria para consumo humano antes de a preparar para venda.

As filmagens revelavam que naquele matadouro, a pouco mais de 100 quilómetros de Varsóvia, o controlo veterinário era reduzido e alguns animais estavam visivelmente doentes. Havia vacas que nem se aguentavam em pé.

A situação fez disparar o alarme na União Europeia, onde há livre circulação de bens, sendo que a Polónia é um dos principais produtores de carne dos Estados-membros, produzindo 560 mil toneladas de carne bovina por ano, das quais 85% são exportadas.

Em Portugal, foram aprendidos 99 quilos de carne proveniente daquele matadouro, que serão destruídos. A informação foi partilhada no portal do Governo, que "emitiu um alerta dando nota da deteção de um lote de carne de vaca sem condições para entrar na cadeia de consumo, com origem na Polónia, tendo como destino um operador retalhista em Portugal". 

Além de Portugal, Espanha, França, Suécia, Finlândia, Hungria, Estónia, Lituânia e Roménia também terão recebido carne doente.

"A prioridade, agora, é retirar do mercado todos os produtos oriundos deste matadouro", disse, em comunicado, o comissário europeu para a segurança alimentar, Vytenis Andriukaitis.