Economia

PIB da Zona Euro com pior crescimento desde 2014

Coletes amarelos de França e tensões comerciais entre EUA e China são as principais razões para os resultados 

DR  

Em 2018, o PIB da Zona Euro cresceu apenas 1,8% em comparação com o ano anterior, este não era tão baixo desde 2014 - 1,4% - e fica aquém do que era esperado por Bruxelas que previa que a economia pudesse crescer 2,1%. 

Durante o ano, a economia veio a sofrer alguma travagens, mas foi no quatro trimestre que esta mais se ressentiu e não alcançou os resultados esperados pela Comissão Europeia e fez com que o o resultado não atingisse a meta.

Quebra do setor automóvel na Alemanha, as manifestações dos coletes amarelos em França, a dívida italiana e as tensões comerciais entre a China e os Estados Unidos foram as principais causas para a travagem da economia nos últimos seis meses de 2018.