Sociedade

Tentativa de rapto de bebé leva a abertura de inquérito interno no Hospital de São João

Circunstâncias em que a mulher conseguiu arranjar a bata branca do hospital estão por apurar

O Hospital de São João, no Porto, informou que vai proceder à abertura de um inquérito interno para um "esclarecimento completo" da tentativa de rapto de um recém-nascido na maternidade daquela unidade, revelou fonte da instituição, citada pela agência Lusa.

"O hospital vai abrir um inquérito interno para esclarecimento completo da ocorrência", adiantou a mesma fonte, recusando dar mais pormenores. 

Recorde-se que sábado ao inicio da noite, uma mulher vestida com uma bata branca do hospital foi apanhada a tentar levar um recém-nascido do berçário do Hospital de São João.

As circunstâncias em que a mulher conseguiu arranjar a bata branca do hospital estão por apurar.

A mulher ficou detida devido à "gravidade da situação", arrisca uma pena de prisão entre dois e oito anos por tentativa de rapto e outra que pode chegar aos dois anos por usurpação de funções. Será presente na segunda-feira de manhã ao Tribunal de Instrução Criminal do Porto.