Cultura

Os 25 anos da morte de Kurt Cobain vão dar um livro

Danny Goldberg, manager dos Nirvana, de 1990 a 1994, é o autor. 

"Serving The Servant: Remembering Kurt Cobain" conta as memórias deste e junta-lhe entrevistas a Courtney Love, ao baixista dos Nirvana, Krist Novoselic, membros da família e amigos de Cobain. O casamento, a filha Frances Bean e a batalha contra a toxicodependência são temas centrais do livro a publicar a 2 de abril, três dias antes dos 25 anos da morte do ícone. 

A obra promete trazer a público histórias desconhecidas do público. "Comecei a trabalhar com o Kurt antes de o 'Nevermind' ser gravado e estive com ele até dias antes da morte", explica Danny Goldberg.

"Sendo impossível ignorar os demónios interiores que o atormentaram, na pesquisa e escrita de 'Serving The Servant' lembrei-me frequentemente do brilhantismo, sentido de humor e bondade do Kurt. Ele era tão complexo que duas pessoas não tinham a mesma experiência com ele. Espero acrescentar uma outra dimensão ao legado do Kurt", assume. 

Thurston Moore, dos Sonic Youth, já leu e descreve o livro como "a história de dois homens, de diferentes gerações, que se tornaram amigos inesperados graças a uma visão mútua do feminismo, direitos LGBT e uma dedicação ao poder ativista da música".