Internacional

Polícia britânica acusa quarto adolescente do homicídio de pugilista português em Londres

Wilham Mendes, de 25 anos, morreu na madrugada de 22 de dezembro na capital britânica

 Foi acusado um quarto jovem pelo homicídio, em dezembro, do pugililista amador Wilham Mendes, em Londres, anunciou esta segunda-feira a polícia britânica.

O jovem, de 16 anos, foi acusado no último sábado por roubo e homicídio.

Três outros jovens adolescentes, dois de 15 anos e um de 16, já tinham sido detidos e acusados pelo roubo e homicídio do português.

Wilham Mendes, de 25 anos, morreu na madrugada de 22 de dezembro na capital britânica. Depois de ser encontrado com vários ferimentos de uma arma branca, ainda foi transportado para um hospital. No entanto, acabou por não resistir.