Sociedade

Neto Moura não será alvo de novo inquérito

Bloquista acusa Magistrado de não se comportar como um juiz

O Conselho Superior da Magistratura informou que não irá abrir novo inquérito ao juiz Neto de Moura, uma vez que não tem competência, por lei e pela Constituição para interferir em decisões

No Facebook, o número dois da lista do BE, José Gusmão, afirmou que Neto de Moura não se comporta como um juiz, “abusando da lei existente” para tomar decisões consoante as suas convicções.

Além de condenar a decisão de retirar a pulseira a um homem condenado por maus tratos à mulher, Gusmão afirma que o juiz é um “perigo público”.