Sociedade

Chumbado Estado de Emergência declarado por Trump para construir o muro

A votação não impede Trump de manter a declaração, no entanto constitui uma derrota política significativa

O chumbo do Estado de Emergência, que tinha sido declarado pelo presidente norte-americano Donald Trump, foi aprovado pela Câmara de Representantes, esta terça-feira, com 245 votos a favor e 182 contra, sendo que apenas 13 republicanos votaram a favor da rejeição.

Recorde-se que Donald Trump declarou o Estado de Emergência, no dia 15 de fevereiro, após o financiamento para a construção do muro na fronteira do México com os EUA ter sido rejeitado.

O Estado de Emergência permitiria a Trump ter acesso aos fundos necessários para a construção do muro na fronteira com o México.

Esta votação não é definitiva e não impede Trump de manter aquela declaração, no entanto constitui uma derrota política significativa.

A resolução contra a declaração do Estado de Emergência segue agora para o Senado, que tem 18 dias para se pronunciar.

Sublinhe-se que a maioria desta câmara pertence aos republicanos, sendo que três senadores deste partido já se manifestaram contra a posição de Trump, ficando a faltar apenas um quarto voto desta cor política para aprovar a resolução contra a posição do presidente.