Sociedade

Incêndios. "É impossível cumprir com todas as limpezas antes de 15 de março"

A autarquia de Penacova - onde morreram três pessoas nos incêndios de 2017 - considera que prazo até 15 de março é impossível de ser cumprido

Incêndios. "É impossível cumprir com todas as limpezas antes de 15 de março"

O prazo para limpar os terrenos termina no próximo dia 15 de março, mas a autarquia de Penacova considera que é uma meta impossível. Para cumprir todas as obrigações, Humberto Oliveira, presidente da câmara de Penacova, estima que sejam precisos “entre dois a três milhões de euros”. Em declarações à agência Lusa, o autarca disse que "é uma impossibilidade", uma vez que os meios disponíveis são exclusivamente da autarquia.

Os esforços estão agora concentrados na limpeza das faixas de dez metros das estradas. "É impossível cumprir com todas as limpezas antes de 15 de março, mas vamos continuar", disse Humberto Oliveira. 

Este ano, a Câmara Municipal de Penacova prevê gastar cerca de 50 mil euros na gestão de combustível em diversos espaços como o Parque Verde e a Livraria do Mondego. 

Os comentários estão desactivados.