Sociedade

‘Não irei levar um pau com pregos para o agredir mesmo sabendo que me podia valer a absolvição’

“Um homem forte de toga sente-se magoadinho por palavras ditas num Tubo de Ensaio, como se isso pudesse causar mais trauma num ser humano que uma mulher atingida várias vezes pelo marido e ex-amante com um pau com pregos”, afirmou Bruno Nogueira

Bruno Nogueira é um dos nomes da lista de 20 figuras públicas que o juiz Neto de Moura pretende processar, segundo foi noticiado no sábado passado.

A resposta do humorista não se fez esperar. "Eu também me sinto ofendido com o que o senhor escreve nos seus acórdãos", disse no seu programa Tubo de Ensaio na TSF.

“Há anos que eu ando a tentar construir uma carreira que me leve a ser processado por pessoas com valores morais apurados (…), e acabo processado pelo juiz Neto de Moura. Merecíamos melhor”, lamentou com ironia.

Bruno Nogueira referiu que só esperava que o magistrado que ficasse responsável pelo processo não fosse alguém como Neto de Moura.

“Caso nos encontremos em tribunal, espero que seja perante um juiz que honre a sua profissão e não perante alguém como o senhor, que descobriu o fogo há quinze dias. E posso garantir-lhe que não irei levar um pau com pregos para o agredir mesmo sabendo que isso me podia valer a absolvição”, afirmou fazendo referência a um dos acórdãos polémicos sobre violência doméstica em que Neto de Moura esteve envolvido.

“Um homem forte de toga sente-se magoadinho por palavras ditas num Tubo de Ensaio, como se isso pudesse causar mais trauma num ser humano que uma mulher atingida várias vezes pelo marido e ex-amante com um pau com pregos”, acrescentou Bruno Nogueira.