Sociedade

CP suprime cinco comboios por dia por falta de material

 Foram suprimidos 3.322 comboios, dos quais 2.411 devido à falta de material

O ano passado, sem contar com greves e outros problemas, circularam menos cinco comboios da CP por dia devido à falta de material. As linhas mais problemáticas são as do Oeste, Algarve e o troço Casa Branca-Beja que fica na linha do Alentejo.

No espaço de um ano, entre 2017 e 2018, estas linhas perderam 207 mil passageiros.

Nesse ano, no total foram suprimidos 3.322 comboios, dos quais 2.411 devido à falta de material, 855 devido a greves e 56 devido a problemas com a infraestrutura.

Avarias ou a incapacidade da empresa que faz a manutenção dos comboios da CP de reparar os comboios por falta de recursos humanos são as principais causas para este problema.