Desporto

Federação pede reintegração do Gil Vicente na I Liga já na próxima época

A informação foi avançada através de um comunicado, esta quinta-feira

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) emitiu um comunicado esta quinta-feira no qual exige a reintegração do Gil Vicente na liga principal de futebol profissional já na época 2019/2020.

O organismo relembra em nota oficial, que, em 2016, depois de o Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa ter declarado "nulo o ato praticado pelo Conselho de Justiça da Federação Portuguesa de Futebol, que aplicou a pena disciplinar de descida de divisão" ao Gil Vicente, "deliberou por unanimidade recomendar à Liga Portuguesa de Futebol Profissional, no respeito pela sua autonomia, que procedesse 'no mais curto espaço de tempo possível' à reintegração dessa sociedade desportiva".

"Mais tarde, a 12 de dezembro de 2017, precisamente ano e meio depois daquela recomendação, a Direção da FPF tomou conhecimento oficial de alterações ao Regulamento de Competições da Liga, aprovadas em Assembleia Geral desta entidade, e de deliberações tendentes à execução da decisão do tribunal, e ainda  de um acordo assinado pelo Presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional,  em que se assume a reintegração efetiva na I Liga da Gil Vicente Futebol Clube - Futebol, SDUQ, Lda. na época desportiva 2019/2020", pode ler-se ainda no comunicado.

Por fim, a FPF afirma ainda que não terá uma “atitude passiva” no que a este caso se refere e que não aceita que as “expectativas criadas em todas as entidades e agentes desportivos, por via das alterações regulamentares e deliberações tomadas no seio da LPFP, sejam frustradas neste momento, com impactos negativos em todas as competições seniores nacionais".