Sociedade

Cabeça encontrada na praia é de uma estrangeira que terá sido vítima de crime passional

Resto do corpo não foi encontrado

A Polícia Judiciária já identificou a mulher cuja cabeça decapitada foi encontrada numa praia da Leça da Palmeira.

Trata-se de uma mulher de nacionalidade estrangeira e os investigadores acreditam que terá sido vítima de um crime passional, segundo o Correio da Manhã.

A cabeça da mulher foi submetida a vários testes de ADN para confirmar a identidade da vítima, sendo que ainda faltam resultados de exames complementares.

Recorde-se que o resto do corpo da mulher ainda não foi encontrado, estando os inspetores da Brigada de Homicídios da PJ do Porto a realizar diligências para o localizar, além de que continuam a tentar encontrar suspeitos do crime.

Foi um funcionário da Ecorede, a empresa que faz a recolha do lixo naquela praia, quem encontrou o saco de plástico onde estava a cabeça da mulher.