LifeStyle

Está aberta a época dos caracóis

A Casa dos Caracóis, em Campolide, dedica-se exclusivamente à venda desta iguaria. Reabriu portas este sábado

Diz-se que os caracóis só são bons nos meses sem ‘r’, e é verdade que há muitos restaurantes, conhecidos pela venda desta iguaria, que ainda não a têm à venda.

A Casa dos Caracóis, em Campolide, contraria esta tendência e abriu portas já este sábado. Esta loja, aberta apenas durante seis meses por ano, dedica-se em exclusivo à venda deste produto, oriundo de Marrocos. Este é um dos onze estabelecimentos que pertencem ao grupo Francisconde, e que se distribuem entre Lisboa e a margem sul do Tejo.

Não há serviço de restaurante – funciona apenas em regime de take away -, mas nem isso impede os consumidores de procurarem este espaço. Especialmente ao fim de semana, a afluência é muita, por parte daqueles que estão à espera desde setembro para poderem voltar a consumir o tão apreciado caracol.

“Nem sei quantos quilos vendemos por dia”, afirmou a gerente da loja, Carla Alberto, ao SOL, não deixando de assegurar que “são muitos”.

Carla Alberto diz ainda que a afluência não “muda muito”, durante os seis meses em que estão abertos, sublinhando que “com o calor há sempre mais gente” a dirigir-se até ao estabelecimento.

As portas desta casa estão abertas, como tem sido habitual, até ao fim de setembro, altura em que se encerram, para só reabrirem daí a seis meses, no mês de abril seguinte.