Internacional

Baleia grávida encontrada morta com 22 quilos de plástico no estômago

Sacos de lixo, redes de pesca, tubos e a bolsa de líquido de uma máquina de lavar roupa, com marca e código de barras, foram alguns dos objetos descobertos no interior do animal


O corpo de uma baleia grávida foi encontrado na semana passada na costa da Sardenha, em Itália, no estômago tinha 22 quilos de plástico.

O ministro do Ambiente de Itália, Sergio Costa, confirmou que a baleia carregava também um feto morto. "Sacos de lixo, redes de pesca, tubos, a bolsa de líquido de uma máquina de lavar roupa, com marca e código de barras, e outros objetos cuja identificação já não é possível", disse Luca Bittau, presidente do associação SeaMe da Sardenha, citado pela CNN.

"Ela estava grávida e quase certamente abortou antes de ter encalhado [na praia]", acrescentou. O feto estava já em estado avançado de decomposição.

O responsável adiantou ainda que a causa da morte só seria confirmada após a chegada dos resultados dos exames histológicos e toxicológicos, realizados por veterinários em Pádua, no norte do país.

O ministro do Ambiente italiano chamou a atenção para a importância da notícia no Facebook. "Ainda há pessoas que dizem que estes não são problemas importantes? Para mim, são e são prioridades", escreveu.