Desporto

Estados Unidos. O golaço de Rooney que derrotou Nani (com vídeo)

O internacional inglês, de 33 anos, marcou uma espécie de canto direto que deu a vitória por 2-1 ao DC United no terreno do Orlando City, onde alinha ainda o português João Moutinho


O desejado embate entre Nani e Wayne Rooney, que partilharam balneário durante várias temporadas no Manchester United, acabou com vitória para o inglês. O DC United foi ao terreno do Orlando City vencer por 2-1, com o segundo golo a ser apontado precisamente por Rooney - e que golo.

A equipa de Washington adiantou-se no marcador logo aos seis minutos, com golo do central norte-americano Birnbaum, e chegou ao segundo aos 30', numa obra de arte de Rooney. O avançado de 33 anos, que soma quatro golos noutros tantos jogos, marcou quase um canto olímpico, conseguindo um golo fantástico.

 

 

O melhor que a equipa de Nani - e João Moutinho, central português de 21 anos - conseguiu foi reduzir a desvantagem aos 63', por Dom Dwyer. O DC United subiu assim à liderança da conferência Este da MLS, a principal liga norte-americana, enquanto o Orlando City segue no sétimo posto.

E por falar em veteranos em grande forma, a última madrugada marcou também o regresso de Zlatan Ibrahimovic aos relvados... e aos golos. O sueco de 37 anos, que esteve um mês parado por lesão, fez os dois golos que deram o triunfo aos LA Galaxy sobre os Portland Timbers (2-1) - na véspera, de resto, já tinha avisado que só precisava "de 20 minutos para causar impacto".

Neste caso, os golos de Ibra surgiram aos 33' e 65', ambos de grande penalidade. Mas, como é óbvio, não foram ambos marcados da mesma forma: o segundo, precisamente aquele que garantiu a vitória, foi uma Panenka... quase perfeita, pois o guardião contrário reagiu após a surpresa inicial e ficou a centímetros de conseguir travá-la.