Internacional

Educadora é suspeita de envenenar 23 crianças em creche

Mulher foi detida após autoridades estranharem mal-estar súbito de tantas crianças

Uma educadora de infância chinesa foi detida, esta terça-feira, sob suspeita de ter envenenado 23 crianças com nitrito de sódio, numa creche na província de Henan.

As crianças ficaram doentes após terem comido a refeição preparada na escola na quinta-feira passada.

O mal-estar súbito de tantas crianças alertou as autoridades, que deram inicio a uma investigação que culminou com a detenção da professora, identificada apenas pelo apelido Wang.

Das 23 crianças, uma continua a inspirar cuidados médicos, outras sete estão ainda internadas e as restantes quinze já receberam alta hospitalar, segundo a CNN.

Um dos pais das crianças contou a um jornal chinês que quando chegou à creche, após ter sido contactado, encontrou o filho inconsciente.

“As calças dele estavam cobertas de vómito. Havia outras crianças que também estavam a vomitar, e pareciam pálidas”, recordou, citado pela CNN.

A ingestão de nitrito de sódio, ingrediente cancerígeno usado em fertilizantes e munições, pode provocar aumento do ritmo cardíaco, enxaquecas, vómitos e até a morte.