Sociedade

Homem de 71 anos abusa sexualmente da neta de apenas dez anos

Menor foi violada e acabou por contar tudo à mãe, que denunciou o próprio pai à GNR.

Uma criança de apenas dez anos de idade foi abusada sexualmente pelo avô, de 71 anos, pelo menos duas vezes. A rapariga, ao longo de quatro anos, tentou evitar estar a sós com o avô, mas em maio do ano passado, num momento em que a sua avó se ausentou, o homem acabou por violá-la novamente, escreve o Correio da Manhã.

De acordo com o processo do Ministério Público (MP), consultado pelo mesmo jornal, o homem apalpou o corpo da adolescente por cima da roupa e disse-lhe: "És linda. Tu vais ser minha". O documento indica ainda que a menor, depois de ter sido atacada pela última vez, contou tudo à mãe, que denunciou o próprio pai à GNR. 

Agora, o arguido já está a ser julgado no Tribunal de Matosinhos e, desde que a criança admitiu os abusos, toda a família cortou relações com o agressor. 

O CM escreve ainda que o arguido, quando foi ouvido pela Polícia Judiciária, assumiu o último crime, que remonta a 1 de maio de 2018, tendo afirmado que está arrependido: "Cometi um erro, não sei o que me passou pela cabeça. Foi uma asneira", disse.

O arguido encontra-se em liberdade e, no processo do MP, consta que este “agiu com o propósito concretizado de satisfazer o seu instinto sexual".