Politica

Regionalização. Autarca de Gaia diz que "não se trata de novos jobs"

Eduardo Vítor Rodirugues defende que a regionalização é uma oportunidade de coesão para o País.

O presidente da Área Metropolitana do Porto, Eduardo Vítor Rodrigues, defendeu esta terça-feira que a regionalização não é “uma vontade catita das elites locais que querem partir o país aos bocados”, mas uma oportunidade de coesão. 

 “Não se trata, por isso, de novos cargos, de novos jobs. Trata-se, sim, de um novo tempo de desenvolvimento, de capacitação e reorganização”, disse o presidente da Câmara de Gaia, citado pela Lusa.

As declarações de Eduardo Vítor Rodrigues, que também é membro do secretariado nacional do PS, surgem numa altura em que se discute se a regionalização deve, ou não, vir a constar no programa eleitoral socialista nas próximas legislativas.