Vida

Raquel Tavares revela que já espancou um homem

Fadista diz que ficou com as mãos em sangue

Raquel Tavares contou no programa de Fátima Lopes na TVI que agrediu um homem com violência, tudo para defender uma grande amiga que estava com o filho.

Para a fadista a pessoa que defendeu é "mais do que uma melhor amiga, mais do que uma irmã", é a sua "alma gémea". 

A cantora começou por dizer que já tinha dado “a vida” por aquela pessoa. “Fiz a maior das loucuras por esta pessoa. Tive um comportamento que desconhecia que era capaz de ter”, afirmou.

"Espanquei um homem. Espanquei-o. Nunca tinha batido em ninguém. Não sei de onde veio a força, sei que fiquei com as mãos em sangue. Era um fulano que atirou duas pedras ao carro da minha amiga com o filho dela lá dentro e eu apanhei-o e espanquei-o", explicou.

"Depois veio a polícia, que queria prender-me, e eu disse: 'levem-me'. Não fui presa, claro. Mas perdi a cabeça e foi aí que percebi o lugar que esta pessoa tem na minha vida", acrescentou.