Sociedade

Homem mata mulher à facada devido a ruído num café

O homem feriu ainda outras três pessoas, todos clientes do café

Um homem de 52 anos matou uma pessoa e feriu outras com uma faca por não suportar o barulho que estas faziam. As vítimas eram clientes que estavam na esplanada de um café, na travessa do Quintal, em Fermentões, Guimarães, segundo avança o CM.

O homem dirigiu-se ao estabelecimento e esfaqueou o primeiro grupo de encontrou. Maria José Dias, de 46 anos, acabou por morrer horas depois no hospital de Guimarães. O Filho desta, de 26, também foi agredido, mas não corre risco de vida.

O agressor feriu ainda mais duas pessoas antes de ser detido pela Polícia Judiciária de Braga no domingo de manhã. Num discurso pouco coerente, disse apenas que não suportava o ruído.

Esta segunda-feira vai ser presente ao juiz de instrução criminal de Guimarães para primeiro interrogatório judicial. O homem está indiciado por quatro crimes de homicídio, um consumado e três na forma tentada.

Apesar de haver vários clientes no café, ninguém se apercebeu das agressões. Só com os gritos das vítimas, os restantes presentes perceberam a situação e alertaram as autoridades. O homem entregou-se horas depois.