Vida

Príncipe Harry acusado de manipular foto nas redes sociais | FOTO

Várias críticas foram feitas ao duque de Sussex, que está a ser acusado de ter escondido, numa fotografia partilhada nas redes sociais, o facto de um elefante se encontrar amarrado a uma corda no Malawi. 

O príncipe Harry está a ser acusado de cortar uma fotografia onde aparece um elefante num parque natural no Malawi, alegadamente para esconder a corda que o animal tinha amarrada à perna para, posteriormente, a poder partilhar no Instagram.

A fotografia foi partilhada, e entretanto eliminada, na conta recentemente criada pelos duques de Sussex, e foi publicada para assinalar o dia Internacional da Terra.

A fotografia original foi partilhada através de um comunicado de imprensa em 2016, aquando da viagem do príncipe ao Malawi.

"Quando os elefantes invadem terras agrícolas há muitos estragos para as comunidades. A African Parks Network deslocou 500 elefantes para outro parque no Malawi para reduzir o conflito entre a vida selvagem e humana, criando desta forma um turismo mais disperso", lê-se na legenda da fotografia partilhada.

Depois de a imagem ter sido publicada no Instagram, as críticas não tardaram em chegar, e há muitos utilizadores desta rede social que acusam Harry de manipular e esconder aquilo que é a realidade ao tratamento a que este tipo de animais são sujeitos.

De acordo com o jornal Metro, que cita fonte próxima da família real, a fotografia nunca foi cortada com o objetivo de esconder esta mesma realidade.