Sociedade

Lisboa vai ter passadeiras com cores da bandeira LGBTI contra a homofobia

Proposta é dos representantes do CDS-PP na Assembleia de Arroios e foi esta terça-feira aprovada.

Os representantes do CDS-PP na Assembleia de Freguesia de Arroios, Frederico Sapage Pereira e Vítor Teles, propuseram que, de forma a assinalar-se o Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia, fossem colocadas “passadeiras arco-íris na avenida Almirante Reis, em frente aos sinais luminosos para passagem de peões junto aos números 1 e 13”.

A proposta foi então esta terça-feira aceite e, a partir do próximo dia 17 de maio, várias passadeiras da avenida Almirante Reis, em Lisboa, vão ser pintadas com as cores do arco-íris, tal como a bandeira do movimento LGBTI (lésbicas, gays, bissexuais, transgénero e intersexo).

“Esta efeméride celebra-se a 17 de maio por ter sido nesse dia em 1990 que se retirou a homossexualidade da Classificação Internacional de Doenças da Organização Mundial de Saúde (OMS)”, lê-se na proposta feita pelos representantes.