Desporto

Ásia. Três portugueses nos oitavos da Champions

Jesualdo Ferreira, Rui Faria e José Morais garantiram o apuramento para a próxima fase, com Vítor Pereira a ser salvo por bis de Hulk

Três treinadores portugueses asseguraram já o apuramento para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões asiática. Na segunda-feira, Jesualdo Ferreira e Rui Faria fizeram a festa; já nesta terça-feira, foi José Morais a celebrar a qualificação para a próxima fase da principal competição de clubes da Ásia.

Jesualdo Ferreira, que lidera o Al Sadd, do Catar, venceu os sauditas do Al Ahli por 2-1 e manteve o primeiro lugar no grupo C, com dez pontos em cinco jogos. Na última ronda, o veterano técnico luso, que já esta época se sagrou campeão nacional no Catar, irá defender a liderança do grupo no terreno do Persépolis, do Irão - com apenas quatro pontos e já afastado.

Rui Faria, por seu lado, viu o seu Al-Duhail empatar 1-1 em casa do Esteghlal. O conjunto do ex-adjunto de José Mourinho garantiu, ainda assim, o segundo lugar no grupo C, com oito pontos, visto ter ganho em casa à equipa do Irão (3-0) na primeira volta, tendo assim vantagem no confronto direto. Na frente do grupo segue o Al Hilal, a ex-equipa de Jorge Jesus, que bateu o Al Ain de Rúben Ribeiro (2-0) e selou também o apuramento.

Já o Jeonbuk Motors, de José Morais, garantiu, além da passagem aos oitavos-de-final, também o primeiro lugar no grupo G, ao vencer na China o Beijing Guoan por 1-0. A equipa liderada por outro antigo colaborador de José Mourinho soma 12 pontos em cinco jogos.

Menos confortável está o Shanghai SIPG. O conjunto orientado por Vítor Pereira somou o terceiro empate consecutivo na prova (2-2 no Japão, frente ao Kawasaki Frontale, com bis do também ex-FC Porto Hulk) e manteve o segundo lugar do grupo H, mas com apenas mais um ponto que o adversário (seis contra cinco). Na última ronda, os chineses recebem os coreanos do Ulsan Hyundai, que venceram o Sydney FC (1-0), da Austrália, e já estão apurados, e têm de ganhar para não depender do resultado entre os australianos e os japoneses.

Nesta terça-feira entra ainda em competição o Al Nassr, comandado por Rui Vitória. A equipa do ex-técnico do Benfica segue no segundo posto do grupo A, com seis pontos em quatro jogos, e recebe o Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, que tem apenas três e é último no grupo. Um triunfo poderá até chegar para o apuramento dos sauditas, caso os iraquianos do Al-Zawra'a não vençam o Zob Ahan, do Irão, que lidera o grupo.