Internacional

Locutor da BBC despedido por comparar bebé real a chimpanzé

Pedido de desculpas de Danny Baker não foi suficiente para evitar demissão

AFP
BBC

Danny Baker, locutor de rádio da BBC, foi demitido, esta quinta-feira, depois de partilhar uma imagem de um chimpanzé para se referir ao filho de Meghan Markle e Harry.

A imagem, que foi partilhada no Twitter, mostrava um casal a dar as mãos a um chimpanzé. "Bebé real deixa o hospital", lia-se na legenda da imagem.

Depois de ser acusado de racismo e de estar a ridicularizar as raízes de Meghan Markle, Danny Baker apagou a publicação e pediu desculpa, alegando que não tinha qualquer intenção de fazer piada sobre o assunto.

"Era para ser uma piada sobre realeza x animais de circo, mas foi interpretada como sendo sobre raça e macacos”, escreveu na rede social, revelando ainda que tinha sido despedido pela emissora britânica.

Posteriormente, um porta-voz da BBC confirmou a demissão e justificou a mesma como um "erro de julgamento que contraria os valores" que o meio de comunicação pretende representar.

Danny Baker voltou depois a utilizar o Twitter para criticar a decisão da BBC.

"O telefonema para me despedirem foi uma lição de mestrado pseudo-severa e pomposa (...) Literalmente atiraram-me para baixo de um autocarro”, afirmou.

Esta é a segunda vez que Danny Baker é despedido pela BBC. O mesmo já havia acontecido em 1997 depois de o apresentador encorajar adeptos de futebol a “tornar a vida de um árbitro num inferno” na sequência de um penálti polémico.