Internacional

Presidente da Áustria pede eleições antecipadas

Presidente quer que eleições sejam em setembro

Alexander van der Bellen, presidente da Áustria, aconselhou a que as eleições fossem antecipadas para setembro deste ano. A recomendação surge depois de o vice-presidente austríaco se ter demitido após ter vindo a público alegadas acusações de corrupção.

“Este novo começo deve acontecer rapidamente, tanto quanto a Constituição Federal permita, por isso apelo a eleições em setembro, se possível no início de setembro”, disse, citado pela Reuters.

Recorde-se que Heinz-Christian Strache, vice-presidente da Áustria, apresentou este sábado a demissão do cargo. A decisão do líder do FPÖ (Partido da Liberdade, de orientação de extrema-direita) surgiu na sequência da divulgação de um vídeo, datado de 2017, onde Strache aparece a discutir negócios ilegais com a suposta sobrinha de um oligarca russo, Alyona Makarova, destinados a beneficiar o seu partido - que na altura ainda não estava no Governo.